30 junho, 2018

Raízes e Asas


"Esqueça sexo e beijo na boca. É incrível como é possível fazer essas duas coisas sem qualquer intimidade. Passar algumas horas pelados, beijando e transando não é o mesmo que tornar-se íntimo de alguém.
A intimidade, para começar, nem é algo físico. Pode até se expressar fisicamente, mas nunca começa por aí. A intimidade mora na alma, na troca de olhares, no silêncio das conversas que dispensam palavras.
Acontece no encontro do que há de mais profundo em mim com o que há de mais profundo em você. E isso, muitas vezes, acontece sem sexo.
Intimidade é o espaço onde posso existir como sou, com minhas imperfeições, virtudes, posições, pensamentos e vícios. Intimidade é onde posso existir na medida em que o outro me abriga.
É poder dizer ao outro aquilo que calo para os demais. De todas as intimidades possíveis entre duas pessoas, nenhuma é mais profunda do que a sinceridade.
Intimidade é poder dizer a verdade. Não a verdade absoluta, porque ela não existe, mas poder dizer as minhas verdades. É ter a leveza de um lugar seguro, distante dos juízes que estão sempre prontos para me julgar.
Intimidade é raiz que alcança o mais profundo da terra, firmando relacionamentos em solo estável, preparados para enfrentar os vendavais. É lugar onde as mentiras não precisam de justificativas e as verdades não precisam de defesa.
E isso não acontece do dia para a noite. Intimidade é construção que demanda tempo e investimento. Por isso há cada vez menos pessoas íntimas: porque a velocidade e superficialidade de tudo colocaram os relacionamentos profundos em extinção. Tudo é líquido.
A tragédia é que, sem intimidade, somos escravos da aparência, para agradar outros que também não passam de escravos. A vida sem intimidade é vazia, oca, ilhada – o tipo mais popular do momento".
(Via Ybytu Goitacá )

29 maio, 2018

Ilumina minha Avó Lua, Guia-me e Ampara-me Mãe Terra!

Meu Coração Sagrado,
Grande Mãe Terra, Mãe Maria,
Grande Pai Céu, Avô Sol, Avó Lua,
Amado Mestre Jesus e todos os Seres de Luz,

Ilumina aqui dentro!
Guia meus caminhos!!
Ampara meu coração!!!

Ahoo!
Amém!!
Assim Seja!!!




28 dezembro, 2017

Segue e semeia o amor por onde flor...


Cores, imagens, sons e sabores

Olho para as famílias de Árvores,
E construo passo a passo meu enraizamento.
Sigo em minha jornada buscando dentro meu equilíbrio.
Vou aprendendo com meus excessos o caminho do meio.
As sombras me guiam para restaurar minhas feridas.
As dores apontam meus dons.
Nas minhas partes mais feias, sinto-me humana, intensamente vulnerável.
Em minha vulnerabilidade eu conecto com minha força.
Meu ouro vai aparecendo gradativamente do meu lodo.
Justo no que me envergonho, nasce minha lótus.
Cada pétala colorida com meu sangue, minhas lágrimas, minha dor.
Nessa jornada de vida, sigo semeando sorrisos, meu coração em flor.
Minhas raízes crescem
Minhas asas expandem
Meu horizonte me diz
Das belezas misteriosas muito além.
Sigo plantando meu sangue
Meu caminho iluminado pela lua cheia
Enraizada em meu ventre e em meu coração
De onde brotam as instruções e as intuições dos próximos passos.
Honro e cumpro.
Aceito e agradeço.
Aprendo na dor e no amor.
Assim vou colorindo minha paisagem interna.
Cada tom um toque de luz, repleto de histórias.
Sou Quíron, a curadora ferida.
Sou Fénix, renascida a cada dia.
Sou a magia da alegria, canto de amor, recanto de fé e poesia.

Renata Moreira da Silva
01/02/2018

14 novembro, 2017

Renascendo no amor em mim

Primeiro, gratidão! 
A primavera chegou! O inverno passou e eu sobrevivi, fiquei mais forte!!

Agora, praticar os meus aprendizados!
Ser a mudança, ser farol!
Ser lua que reflete a luz do sol!

Com a força de Ártemis em mim, 
Eu mergulho no selvagem e na coragem, 
Para ser tudo que sou e realizar Renata.

Ser árvore com raízes profundas e copa com asas! Árvore florida e frutificada! 
Sou fruto doce na academia, doçura. 

Meu coração bombeia águas termais para o mundo ao meu redor: acalento, aconchego, sou colorosa presença. 

Sigo a semear o amor, o meu ouro.
Cantarolando meus poemas de vida. 
Colorindo vidas e cultivando carinho nos olhares que cruzam os meus. 

Começando sempre de dentro para fora.
Transbordando do meu Coração Sagrado para todos ao meu alcance.

Sigo, Rainha de copas,
Árvore da doçura, água quentinha,
Amor em transbordamento! 

6 de novembro 2017

Renata Moreira da Silva





30 outubro, 2017

Oração à Mãe Terra (Uma Oração Essênia)

Abençoado seja o Filho da Luz que conhece sua Mãe Terra...
Pois é Ela a doadora da vida.
Sabe que a sua Mãe Terra está em ti e tu estás Nela.
Foi Ela quem te gerou e quem te deu a vida...
E te deu este corpo que um dia tu lhe devolverás.
Sabe que o sangue que corre nas tuas veias
Nasceu do sangue da tua Mãe Terra.
O sangue Dela cai das nuvens, jorra do ventre Dela,
Borbulha nos riachos das montanhas...
E flui abundantemente nos rios das planícies.
Sabe que o ar que respiras nasce da respiração da tua Mãe Terra.
O alento Dela é o azul celeste das alturas do céu...
E os sussurros das folhas da floresta.
Sabe que a dureza dos teus ossos foi criada dos ossos de tua Mãe Terra.
Sabe que a maciez da tua carne nasceu da carne de tua Mãe Terra.
A luz dos teus olhos e o alcance dos teus ouvidos...
Nasceram das cores e dos sons da tua Mãe Terra,
Que te rodeiam feito as ondas do mar cercando o peixinho.
Como o ar sustenta o pássaro,
Em verdade te digo, tu és um com tua Mãe Terra.
Ela está em ti e tu estás Nela.
Dela tu nasceste, Nela tu vives - e para Ela voltarás novamente.
Segue, portanto, as Suas leis
Pois teu alento é o alento Dela.
Teu sangue, o sangue Dela.
Teus ossos, os ossos Dela.
Tua carne, a carne Dela.
Teus olhos e teus ouvidos são Dela também.
Aquele que encontra a paz na sua Mãe Terra,
Não morrerá jamais.
Conhece esta paz na tua mente.
Deseja esta paz ao teu coração.
Realiza esta paz com o teu corpo.